Gastronomia · Viagens

BARCELONA PARA FOODIES. Conhecendo a gastronomia catalã e espanhola. Restaurantes que indico.

Mas é claro que o primeiro post pra valer desse blog ia acabar sendo sobre esse assunto que eu tanto adoro: comidaaaa! Afinal, tem coisa melhor? Em Barcelona, experimentar a culinária local é quase tão importante quanto visitar a Sagrada Família ou passear pelas Ramblas e a Catalunha é uma região que tem autoridade no assunto! Com uma cena gastronômica pra ninguém botar defeito, a região é cheia de restaurantes estrelados e celereiro de renomados chefs, como o inovador Ferran Adrià do extinto El Bulli, restaurante que um dia já foi eleito o melhor restaurante do mundo. Já na cidade de Girona, a cerca de uma hora de Barcelona, fica o atual terceiro melhor, o El Celler de Can Roca, dos irmãos Roca. A explicação pra tanto sucesso nessa área tá exatamente na diversidade dos produtos tantos do mar como da montanha que a Catalunha oferece, frutos de sua localização privilegiada, e também, claro, pelo fato de que, até o presente momento, ela ainda faz parte desse país delicioso e tão gastronômico que é a Espanha.

Prepare-se para comer coisas maravilhosas como o fideuá (uma espécie de paella feita com massa), arròs negre (arroz feito com tinta de lula), arròs caldoso (prato que tá entre um risoto e uma sopa), escalivada (pimentão vermelho, cebola e beringela assados na brasa e temperados com azeite e alho), sépia (um tipo de lula), butifarra (embutido catalão), pescados de diversos tipos e outros pratos tradicionais da culinária espanhola, como a paella (que por lá é mais escura que a paella tradicional e ainda mais cheia de frutos do mar), pan con tomate (amo!), alioli (molho feito com alho, azeite e ovos), jámon (a paixão nacional da Espanha), os diversos tipos de tapas (sem dúvida o maior símbolo da gastronomia espanhola) e crema catalana (uma espécie de creme brûlée que é feito substituindo a baunilha por canela e raspa de limão).

Você vai comer bem, uma alimentação que, no geral, é bem saudável e equilibrada e vai entender o porquê da dieta mediterrânea ser tão cultuada (azeite, azeitona, vinho, verduras e peixes).

Não deixe também de experimentar os bons vinhos da região e principalmente a Cava (um tipo de vinho espumante), de beber muita sangria (vinho com pedaços de frutas), o vermute (um tipo de aperitivo) e as cervejas locais, como a Moritz, Voll-Damm e a Estrella Dam.

Além dos inúmeros restaurantes, Barcelona é lotada de mercados públicos. São mais de 40 por lá e cada bairro tem o seu. Visitar um mercado desse tipo é sem dúvida uma das formas mais autênticas de se conhecer a gastronomia local e de se provar o que de melhor e mais fresco ela oferece. Dentre eles, o mais famoso é o Mercat de la Boquería, que fica na região mais turística da cidade, as Ramblas, e é considerado por muitos o melhor mercado desse tipo do mundo.  Embora seja um mercado extremamente turístico, muito lotado, com preços não tão camaradas assim e pouco frequentado por locais, achei que valeu a pena a visita, por toda a representatividade que o lugar tem.

Quanto aos preços, achei Barcelona, no geral, um lugar pra comer bem e não pagar tão caro assim. Não chega a ser uma barbada como é em Portugal mas com 15 euros (em média) você pode pedir os chamados “menu del día” (entrada, prato principal e sobremesa por pessoa) e beber uma garrafa de um bom vinho, que custa geralmente de 9 a 16 euros. Outra opção, caso vá em grupo, é pedir paella, mas saiba que na maioria dos lugares ela só é servida a partir de 02 pessoas.

A seguir vou listar pra vocês alguns dos restaurantes que eu fui e indico.

SAMSUNG CAMERA PICTURES
Restaurante Salamanca

RESTAURANTE SALAMANCA (Praia de La Barceloneta): foi o primeiro restaurante que fomos quando chegamos. Fica na praia de Barceloneta, super bem localizado, fácil de achar, de frente pro mar. Fomos super bem tratados e a comida é muita boa (foi lá que provamos a maravilha chamada Fideuá). O restaurante tem como carro chefe os mariscos. Apesar de ser considerado turístico achei os preços tão bons quanto a comida. (Endereço: Carrer de l’Almirall Cervera, 34. Abre todos os dias da semana, sempre das 08h30 às 00h30).

SAMSUNG CAMERA PICTURES
Can Cullerettes

CAN CULLERETTES (Bairro Gótico): esse é restaurante mais antigo da Catalunha, o segundo mais velho da Espanha (atrás apenas do icônico Sobrino de Botín de Madri), segundo o Livro dos Records. Foi aberto em 1786 e apesar de ser bem famoso achei que os preços são nada abusivos. Comi um menu del día (entrada, prato principal e sobremesa, com direito ainda a meio litro do vinho da casa) por 16 euros. O tipo de cozinha é variada, não apenas fruto dos mar. Se você estiver passando pelo Bairro Gótico é lá que você tem que almoçar sem pensar duas vezes! (Endereço: Calle Quintana, número 5. Abre às 13h30 e fecha às 16h e no jantar funciona das 21h às 23h, sempre de terça a domingo). 

SAMSUNG CAMERA PICTURES
Truiteria La Ceba

TRUITERIA RESTAURANTE LA CEBA (bairro de Gràcia): como ficamos hospedados no Bairro de Gracía fomos conhecer esse restaurante que embora simples serve uma comida com a cara da Espanha, principalmente tortillas e tostadas (comi uma com anchova sensacional!). Mas tem também outras opções de comida. O preço não é um problema por lá porque vi pratos até de menos de 10 euros! (Endereço: Calle de la Perla, 10, Barrio de Gràcia. Abre de segunda a domingo das 13h às 16h0 e de 20h30 às 23h45).

SAMSUNG CAMERA PICTURES
Ca La Nuri

CA LA NURI (bairro Exaimple): logo após visitar a Casa Batlló fomos nesse restaurante que serve ótimas opções de menus do dia. Comi por lá paella e uns mexilhões super gostosos de entrada. Esse menu do dia, que tinha ainda sobremesa inclusa e uma taça de vinho também, custou apenas 12 euros! O restaurante tem em dois lugares da cidade, um fica no bairro de Exaimple, próximo ao Passeig de Gràcia (Carrer Consell de Cent, 377) e o outro na praia de La Barceloneta (Passeig Marítim de la Barceloneta, 55). Funcionamento: de segunda a domingo das 13h15 às 23h.

SAMSUNG CAMERA PICTURES
La Lola de las Arenas

LA LOLA DE LAS ARENAS (região de Montjuïc): dentre as muitas opções do Terraço do Centro Comercial Las Arenas (que é um shopping bem legal construído no local em que funcionava uma antiga Arena de Touros desativada), escolhemos o La Lolla e não nos arrependemos! A paella deles serve muitas pessoas (pra você ter uma ideia, íamos pedir quatro menus do dia com paella porque éramos quatro pessoas mas o garçom foi sincerão e disse que apenas três menus eram suficientes). Foi sem dúvida a melhor paella que comi em Barcelona! (Endereço: Gran Via de les Corts Catalanes, 373. Funcionamento: de segunda a domingo das 12h às 23h). 

SAMSUNG CAMERA PICTURES
Bar Caningó

BAR CANIGÓ (Bairro de Gràcia): como ficava perto do hostel que ficamos, fomos umas duas vezes nesse típico bar espanhol que serve desde 1922 deliciosas tapas e boas bebidas a preços não abusivos. É frequentado pelos moradores da região e tá sempre cheio de gente. (Endereço: Calle der Verdi, 2. Funcionamento: de segunda a domingo das 10h às 02h). 

Lugares que embora não tenha conseguido ir são super indicados em blogs de viagem e gastronomia:

CARRER BLAI: é uma rua de pedestres ideal pra quem quer fazer um Tour de Tapas. Cheia de inúmeros bares especializados nessas delícias que são a cara da Espanha, é frequentada pelos locais e fica fora da área turística tradicional, razão pros preços por lá serem mais camaradas que nas zonas turísticas. Como ir? Pegue a linha 3 até a estação Poble Sec, que fica a poucos metros do Carrer Blai.

Carrer Blai (foto da internet)

EL NACIONAL: esse foi uma pena não ter conseguido ir! É um super espaço gastronômico,  considerado o maior da Espanha. São nada mais nada menos que 2.500 metros quadrados! Conta com 4 restaurantes, um bar de tapas, um super balcão que serve bebidas e outros cantinhos gourmet do tipo. Fica no Passeig de Gràcia, próximo à Plaça de Catalunya. 

El nacional (foto da internet)

9 comentários em “BARCELONA PARA FOODIES. Conhecendo a gastronomia catalã e espanhola. Restaurantes que indico.

  1. Muito bacana, achei completíssimo, pra quem desejar conhecer a cena gastronômica de Barcelona esta aí tudo mastigado, desculpe o trocadilho,kkk. Fui na Carrer Blai muito legal, foi o primeiro dia em Barcelona apesar do cansaço saímos a noite comemos e depois passeamos por toda ela até chegar na praia isso as 1:00 da madrugada, esse seu post me deu ainda mais saudade dos dias em Barcelona, ficou ótimo Aline.

    Curtir

    1. Obg, tia! Eu fiz pensando muito na viagem de vcs, pra ficar bem detalhadinho e vcs aproveitarem melhor ainda essa cidade tão gostosa! Depois que voltarem tenho certeza que vão ter mais coisas pra eu acrescentar nesse post. bjs

      Curtir

  2. Parabéns Aline, adorei todas as informações e detalhes.. Você nos permitiu viajar por Barcelona com as suas fotos e detalhes. Revi muito do que já conhecia com uma outra visão.. Lindo. Maravilhoso.. Aguardo novos lugares. Bjs

    Curtir

    1. Muito feliz por a sra ter gostado! E é tão interessante isso de que uma mesma cidade pode ser várias, dependendo do ponto de vista de cada um, né? Ou cada visita à mesma pode apresentar uma mesma cidade diferente. Isso já deve ter acontecido com vcs, né? Bjs e quero ver a sra sempre por aqui,

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s