Gastronomia · Viagens

SANTIAGO DO CHILE: atrações imperdíveis e gastronomia.

Santiago foi uma grande surpresa! Confesso que não sabia muito sobre a capital chilena e, quando lá cheguei, fiquei maravilhada com tudo o que eu vi. Uma capital moderna, cosmopolita, vibrante e muito desenvolvida. Isso sem falar que tem um povo simpático e sociável e que muito bem nos recebeu!

E a sensação de sentir-se rodeado pela Cordilheira dos Andes é incrível! Pra onde você olha lá está ela e, dependendo da época, dá até pra ver neve no pico. 

santiagocordilheira.jpg

Aliás, adoro o Chile exatamente por conta da geografia! É um destino que contempla extremos no mesmo território: mar, montanhas com geleiras e até deserto. Se você bem observar o mapa, verá que o país é uma estreita faixa de terra, que fica entre a Cordilheira dos Andes e o Oceano Pacífico.

DSC00498.JPG
O Chile é bem aqui, oh!

Da capital chilena, por sinal, você pode fazer diversos bate e voltas, já que Santiago fica bem no meio de vários destinos próximos. Dá pra ir até as cidades vizinhas de Valparaíso (que tem o porto mais importante do país) e de Viña del Mar (balneário mais famoso do Chile), que ficam a 120 km da capital (é uma cidade colada na outra). Você pode optar, também, por conhecer as vinícolas do Vale do Maipo ou, se for temporada de esqui (esse ano iniciou-se em junho e vai até setembro), você pode ir até Farellones, que é a estação de esqui mais próxima (fica a cerca de 30 km de Santiago), ou até o Valle Nevado, a maior estação de esqui da América Latina, que fica a 60 km.

Santiago é ideal para quem gosta de cidades grandes (tem mais de cinco milhões de habitantes!) e toda a arte, cultura e gastronomia internacional que elas sempre oferecem.

É uma cidade organizada, limpa e o metrô é eficiente e moderno, cobrindo grande parte da cidade e não deixando nada a desejar aos metrôs que já peguei na Europa e nos Estados Unidos.

O Chile é um destino super acessível para os brasileiros, já que existem vôos partindo de diversas cidades daqui e promoções de passagens e viagens com milhas a toda hora.

Os preços por lá não são uma barbada, infelizmente, mas também não chegam a ser abusivos. Pesquise, escolha bem e com antecedência o hotel pra não pagar caro. Existem hotéis de todos os padrões, preços e a maior concentração deles está nos bairros Centro, Providencia e Las Condes. Há também a opção de ficar nos inúmeros apart-hotéis da cidade (ficamos num no Centro, chamado GEN ROOMS) e em hostels (alguns dos melhores da América do Sul estão por lá).

Já os preços da comida não são tão diferentes do que se pagaria em grandes centros brasileiros, como Rio ou São Paulo. Tem preços para todos os bolsos! Pesquisar o lugar que vai comer é minha maior dica pra evitar surpresas com a conta (o Tripadvisor e os blogs especializados são ótimos pra isso!).

Por isso, se organize e não deixe de conhecer esse país maravilhoso. O lugar e tudo o que você vai descobrir por lá vai valer cada peso chileno que você vai gastar!

Passamos dias inesquecíveis nessa cidade e até hoje, mesmo depois de ter visitado muitos outros países pelo mundo, essa continua sendo pra mim uma das viagens mais especiais que fizemos.

LUGARES IMPERDÍVEIS

MERCADO CENTRAL: no Mercado Central de Santiago você vai encontrar barracas que vendem desde frutas a peixes e mil outros bichos do mar estranhos e engraçados. Os restaurantes de lá são bem turísticos e caros, mas o passeio é obrigatório. Uma dica infalível é: fuja dos mil vendedores de centoulla  (CALLE SAN PABLO, 943).

mercadocentral.jpg

PLAZA DE ARMAS: é a principal praça de santiago. O coração histórico da cidade. Sempre movimentada e é onde se localiza a CATEDRAL METROPOLITANA DE SANTIAGO (herança da colonização espanhola. linda!! vale a pena entrar! A entrada é gratuita!), o CORREIO CENTRAL e o prédio da PREFEITURA. É bem interessante notar o contraste dos prédios antigos e históricos com os novos prédios modernos que ficam próximos.

plazadearmas

PALÁCIO LA MONEDA. É a sede da Presidência da República. O nome deve-se ao fato de antigamente o prédio funcionar como uma fábrica de moedas. Foi palco dos diversos acontecimentos históricos do país, em especial do Golpe Militar de 1973, em que parte do prédio foi, inclusive, bombardeado. De segunda à sexta dá pra ir visitar o interior do prédio. Com crianças vale a pena ir assistir a TROCA DA GUARDA, que acontece às 10 horas durante a semana e às 11 horas nos finais de semana e feriados, sempre nos dias PARES. Ah, no subsolo do Praça do Palácio tem um CENTRO CULTURAL que tem cafeteria, exposições, artesanatos.

lamoneda

PASEO AHUMADA: é uma rua exclusivamente de pedestres, a principal do Centro da cidade. Cheia de cafés, restaurantes, casas de câmbio e lojas. Tem que ir bater perna por lá! Você vai ver de tudo!

DSC00155.JPG

CERRO SAN CRISTOBAL: Santiago é cheia de morros (= cerros) e o Cerro San Cristobal é um dos mais famosos deles. Faz parte do PARQUE METROPOLITANO DE SANTIAGO, que é o maior parque urbano do Chile, e um dos pontos mais altos da cidade. Para chegar até o topo pegue o FUNICULAR (que são aqueles trenzinhos que sobem verticalmente). Lá em cima tem uma pracinha, uma capela, a estátua de Nuestra Señora de la Concepción e tem também um santuário ao ar livre. Junto ao Cerro se encontra o Zoológico Nacional do Chile.

cerro

ZOOLÓGICO NACIONAL DO CHILE: esse foi o zoológico mais bonitinho e diferente de todos que eu já fui (já que fica no alto de uma montanha, no Cerro San Cristóbal)! Pra chegar lá pegue no FUNICULAR e desça na primeira parada). Bem limpo e cuidado. O Arthurzinho amou!

zoo.jpg

LA CHASCONA (CASA MUSEU): o poeta Pablo Neruda é uma das celebridades mais famosas do Chile e o passeio na casa dele de Santiago, localizada no bairro boêmio de Bellavista, é imperdível! As outras duas famosas residências dele ficam na ISLA NEGRA e em VALPARAÍSO. Nessa casa ele viveu com sua amante MATILDE URRUTIA, que tinha uma abundante cabeleira, e é daí que vem o nome do lugar (“La chascona” = “A descabelada”). Fica aberta de terça a domingo, das 10h às 18h. (RUA FERNANDO MÁRQUEX DE LA PLATA, 192, BELLAVISTA).

lachascona

PÁTIO BELLAVISTA: o Pátio Bellavista é um complexo comercial e artístico localizado no bairro de mesmo nome. Cheio de restaurantes, bares, lojas e barracas de artesanato a céu aberto. É uma ótima opção para ir tanto de dia quanto de noite. 

patiobellavista.jpg

CERRO SANTA LUCÍA: é um cerro menor que o San Cristobal e que fica bem no Centro de Santiago. Por lá você vai encontrar praça, fontes, lindas estátuas e escadarias e um mirante perfeito para ver Santiago do alto.

cerrostalucia

SKY COSTANERA: localizado na área do shopping COSTANERA CENTER, esse é considerado o maior mirante da América Latina. Fica no 61º andar do também mais alto prédio da América Latina: a GRAN TORRE SANTIAGO. Perfeito pra ter uma visão de 360º da cidade. Pra chegar até lá pegue a linha 1 do metrô (linha vermelha) e desça na estação TOBALABA.

gran_torre_santiagoSKY COSTANERA

VINÍCOLA CONHA Y TORO: fica próximo à Santiago, ainda na região metropolitana (a cerca de uma hora do Centro). É considerada a maior e mais famosa vinícola chilena (é de lá que vem o Casillero del Diablo, vinho tão querido por aqui!) . Fomos na visita guiada e adoramos! Eles mostram as etapas de produção do vinho, nos contam a história do empreendimento e no final ainda tem uma degustação de vinhos. Na época contratamos uma excursão para nos levar, mas vi na internet muitos relatos de que dá pra ir de metrô tranquilamente, descendo na estação LAS MERCEDES e pegando um táxi até a vinícola (este último percusso leva dez minutos).

É A CARA DO CHILE!

LÁPIS-LAZULI: é uma pedra semi-preciosa que só se encontra lá e no Afeganistão. Tem uma coloração azul intensa e é encontrada em várias lojas de artesanato e jóias.

MOAI: os moais são enormes estátuas de pedra que foram esculpidas na ILHA DE PÁSCOA (localizada no oceano Pacifico e que faz parte do Chile). Você vai encontrar diversas réplicas na cidade e um moai original em VIÑA DEL MAR.

COMPRAS 

SHOPPING PARQUE ARAUCO: é o maior e mais famoso shopping de lá. Foi o que eu mais gostei de ir. Tem marcas internacionais (GAP, ARMANI, POLO) e nacionais (FALABELLA, PARIS). Adorei os restaurantes que ficam na parte externa. (CERRO COLORADO 5240, BAIRRO LAS CONDES).

DSC01045.JPG

SHOPPING ALTO LAS CONDES: outro shopping legal de Santiago, mas menor que o Parque Arauco. O Terraço Gourmet do shopping é maravilhoso! (AV. PDTE. KENNEDY LATERAL 9001, LAS CONDES).

DSC01518.JPG

LOJAS DE DEPARTAMENTO TIPICAMENTE CHILENAS: FALABELA é a mais popular do Chile, mas tem também a RIPLEY e a PARIS.

PUEBLITO LOS DOMINICOS: fica longe do Centro, mas vale a pena ir até lá para comprar artesanato e conhecer os produtos típicos do Chile. É tipo uma feira e tem várias lojinhas em volta. Tem também muitas plantas e animais. Para chegar lá basta pegar a linha 1 do metrô, sentido Los Dominicos, e descer na última estação, que é a estação Los Dominicos.

losdominicos.jpg

GASTRONOMIA

Já ouvi algumas pessoas dizendo ter detestado a comida do Chile! Não vou negar que o tempero, de fato, é bem diferente do nosso, e não sei se foi sorte, mas tudo o comi por lá me deixou boas lembranças e nenhum arrependimento. Listo a seguir o que adorei comer e beber em terras chilenas:

CENTOLLA: é uma espécie de caranguejo gigante que vem das águas geladas do Oceano Pacífico. Tem patas enormes e bem carnudas e é o prato mais caro e mais emblemático do Chile.

centolla

CEVICHE: Tá! Eu sei bem que ceviche é um prato tipicamente peruano, você deve estar pensando, porém, por conta da proximidade dos dois países, em todo canto de Santiago você encontrará muitas iguarias do Peru. O ceviche é uma delas! E foi na capital chilena que eu provei o primeiro ceviche da minha vida e virei fã incondicional dessa delícia!

323.JPG

EMPANADAS CHILENAS: assim como na Argentina e no Uruguai, as empanadas também são um sucesso no Chile. A mais famosa é a de pino, que é feita com recheio de carne picada, ovo cozido, azeitona preta e cebola.

DSC00330.JPG

PASTEL DE CHOCLO: o pastel de Choclo não é como o pastel que conhecemos aqui no Brasil. É, na verdade, tipo um “escondidinho”, cuja base é milho (=choclo), e que pode ter recheio de carne ou frango. Colocam também azeitonas e passas. Também faz parte da culinária peruana.

pastel de choclo.jpg

PISCO SOUR: o Chile e o Peru disputam quem inventou essa bebida deliciosa, que é feita com pisco (um tipo de aguardente), açúcar, limão, clara de ovo e gotinhas de angostura (feito de ervas). Adorei! Mas cuidado que ela pode te enganar! É bem docinha, gostosa, mas é forte!!!! hehe.

DSC00603.JPG

MOTE COM HUESILLOS: é uma bebida não alcoólica, bem exótica e que é a cara do Chile. É um chá feito com grãos de trigo cozidos, pêssegos desidratados e aroma de canela. Deve ser servido gelado e com uma colher, que serve para “pescar” o trigo e o pêssego no copo. Eu gostei! 

dsc00788.jpg

CERVEJAS ESCUDO E AUSTRAL: foram as duas cervejas que provei e que são consideradas as mais famosas de lá.

VINHO CHILENO: todo brasileiro sabe bem que o Chile produz vinhos excelentes e de muita qualidade, já que são eles que dominam o mercado das importações desse tipo de bebida por aqui. 70% dos vinhos que eles produzem são tintos e as principais uvas são: Cabernet Sauvignon, Merlot, Pinot Noir e Carmenère. O Vale do Maipo é a região de maior concentração das vinícolas chilenas e fica bem próximo de Santiago. 

vinhochileno

RESTAURANTES QUE FUI E INDICO

DONDE AUGUSTO: fica no MERCADO CENTRAL. É um restaurante bem turístico, mas que vale a pena para provar iguarias chilenas, como a CENTOLLA. Seguindo a dica certeira do meusplanosdeviagem.wordpress.com, blog dos queridos Arnóbio e Dani (aqui abro um parênteses pra dizer que esse blog é um dos meus preferidos e o que mais me inspirou a estar, hoje em dia, escrevendo esse aqui! Recomendadíssimo!), não pedi a CENTOLLA inteira, que é caríssima!! Como queria apenas prová-la, pedi uma porção de CENTOLLA AL PIL PIL, que é uma entrada. Foi suficiente pra conhecer a delícia que ela é.

DSC00230

DSC00241
Centolla al pil pil

 

COMO ÁGUA PARA CHOCOLATE: o restaurante que eu mais gostei de ir em Santiago. Até hoje ainda lembro com muita saudade do CONGRIO COM CREME DE ESPINAFRES que comi por lá. Maravilhoso! Fica localizado na região de BELLAVISTA, perto do PÁTIO BELLAVISTA. (CALLE CONSTITUCIÓN, 88).

DSC00908DSC00857DSC00856DSC00884

 

EL GIRATORIO RESTAURANTE: apesar da experiência de ter ficado tonta correndo atrás do Arthurzinho por lá, eu indico esse restaurante peculiar. É uma ótima forma de ver a cidade do alto, girando a 360 graus. Fica no 18º andar do prédio localizado no número 2250 da Avenida 11 de Septiembre, no elegante bairro de Providencia. 

DSC01421DSC01437

8 comentários em “SANTIAGO DO CHILE: atrações imperdíveis e gastronomia.

  1. Realmente um lugar imperdível. Santiago e linda, limpa e organizada. Achei os chilenos muito simpáticos. A única coisa que não gostei foi a quantidade de cachorros que vivem nas ruas, o que consola é que eles não pareciam mal tratados. O resto, amei!

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s